quinta-feira, 6 de fevereiro de 2020

MORREU A SEGUNDA VÍTIMA DO TIROTEIO DO SÍTIO RIACHÃO NA ZONA RURAL DE CARUARU


Faleceu durante a madrugada desta quinta-feira, dia 06 de fevereiro de 2020, o autônomo, Erivaldo José da Silva, de 28 anos, que morava no Sítio Malhada de Pedras, onde tinha um travete e foi baleado na tarde de ontem numa bebedeira, no Sítio Riachão. Ele era casado e deixou três filhos.
Na ocasião o amigo, Rafael José de Oliveira Silva, de 34 anos foi assassinado e o amigo, Paulo André Cursino de Souza, de 31 anos, foi baleado. Eles estavam bebendo na casa do Paulo André, quando foram surpreendidos com a chegada de três elementos, que chegaram sorrateiramente, balearam as vítimas e fugiram em seguida. O Soldado Valdemilson do BEPI obteve a informação que os assassinos teriam fugido numa picape Strada preta roubada, seguindo sentido Gravatá pela BR 232 e uma equipe do BEPI foi acionada, houve acompanhamento tático e no perímetro urbano de Pombos os policiais visualizaram o veículo trafegando já no sendo contrário da rodovia, os PMs manobraram a viatura para fazer o retorno, no momento em que os marginais abandonaram o carro e fugiram. O carro foi entregue na delegacia local. Com este sobe para 5 homicídios no mês de fevereiro e 16 no ano de 2020 em Caruaru. O corpo foi encaminhado para o IML local.

Da Página Caruaru Hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário