quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

ADOLESCENTE FOI SEQUESTRADO POR ELEMENTOS SE PASSANDO POR POLICIAIS DURANTE A MADRUGADA E ENCONTRADO MORTO A TIROS NA ZONA RURAL DE CARUARU


Por volta das duas e meia da madrugada desta quarta-feira, dia 19 de fevereiro de 2020, o menor, Emerson Edivaldo da Silva, que era conhecido por “Mel”, de 14 anos, foi sequestrado de casa, na Rua Jackson do Pandeiro no bairro João Mota e pela manhã foi encontrado morto numa área conhecida por Sem Terra, próximo a estrada do Sítio Taquara de São Pedro, próximo a BR 232, na zona rural de Caruaru.

O pai da vítima, Edvaldo José da Silva, disse que o filho vivia com a mãe que é separada dele e que durante a madrugada esses homens chegaram chamando por ele em casa, atiraram na porta e foram embora, em pouco tempo depois voltaram e novamente chamaram pelo seu filho, a mãe abriu a porta e os quatro elementos se apresentaram com sendo policiais colocaram o seu filho dentro do carro e desapareceram.


A delegada da 19ª Delegacia de Homicídios de Caruaru, Dra. Estefânia Azevedo, informou que está analisando todas as possibilidades possíveis, falou que ele possivelmente foi torturado, tomou um tiro de grosso calibre na cabeça e outro no tórax, porém não confirmou se ele foi morto no local ou se foi morto noutro local e desovado onde foi encontrado. Questionada sobre se os quatro indivíduos estariam encapuzados ou não, ela disse que isso será mantido em sigilo e conclamou a quem souber de algo que entre em contato com o Whatsapp da Divisão de Homicídios (81) 9 9488-7042 ou com o Disque Denuncia Agreste 3719-4545 e que o denunciante terá a garantia do anonimato.


Este foi o 9º homicídio do mês de fevereiro e o 20º do ano de 2020 em Caruaru e o corpo será encaminhado para o IML local.

Da Página Na Mira da Notícia 

Nenhum comentário:

Postar um comentário