sábado, 22 de agosto de 2015

Genilson Gonçalo oficializa pré-candidatura e grupo pede união da Oposição



Pré-candidato Genilson Gonçalo ao centro (de branco).

Na manhã dessa sexta-feira (21), o empresário Genilson Gonçalo (DEM) esteve presente nos estúdios da Rádio Toritama FM para anunciar em definitivo sua pretensão política a prefeitura de Toritama.

Genilson esteve acompanhado do seu grupo político, formado por boa parte da família do ex-prefeito Flávio Lima (PSD), no qual os mesmos estão divididos e aproveitaram o momento para pedir uma unificação do grupo ‘Azul Catacumba’ no qual a família se divide entre os cunhados, Flávio e Genilson.

O nome do ex-prefeito Narciso Lima, pai de Flávio, foi lembrado nos discursos e por alguns momentos, foi pedido a ele que tomasse uma decisão como patriarca da família, em apoiar o projeto de Genilson, dito por eles, o melhor nome para o momento.

Os Democratas ganharam recentemente apoio do articulador Claudemir Sinal, candidato a deputado estadual nas últimas eleições no município.

Sinal já foi assessor nas gestões de Flávio e Odon e fez o discurso mais acalorado, lembrando que saiu do grupo de Flavio após a desistência do empresário Nem da Zigurat. O politico pediu que a oposição se una para ganhar as eleições, porque segundo ele ninguém da oposição é adversário e só ganha quem junta mais adesões. Porém sua postura contradizem com algumas entrevistas no inicio do ano, onde ele mesmo chegou a afirmar que ira aderir a um novo grupo e não apoiaria ninguém que já passou ou esta no poder (Flávio,Odon,Lucinha).

O discurso agora é de união com qualquer que seja o lado  para chegar á prefeitura nas próximas eleições. Sinal tem a difícil missão de unir não só a oposição, mas principalmente o próprio grupo da família Lima, divididos entre Flavio e Genilson.

O Deputado Federal, Mendonça Filho (DEM), participou da entrevista por telefone e é um dos aliados de Genilson. Mendonça fez vários elogios ao empresário e disse que estará visitando a cidade no próximo Domingo (23), onde ira participar do evento ‘Democratas Solidário’. Uma festa no Campo do Ipiranga com o cantor Gabriel Diniz, onde a entrada é um quilo de alimento que será doado a famílias carentes do município.

Não quis


O discurso de Claudemir Sinal veio com certo direcionamento ao grupo do empresário Edilson Tavares, que segundo informações de bastidores, teria recusado uma aliança com o ex-prefeito Flávio Lima. Sinal repetiu diversas vezes em suas palavras que não se ganha eleição sozinho, “ganha quem junta mais” – Disse.

Já o grupo de Edilson, não se manifestou abertamente sobre o caso. Porém suas próprias frases em palestras e entrevistas indicam que ele não tem mesmo interesse em unir forças com quem já esteve no poder.

Com informações de Evandro Balla

Nenhum comentário:

Postar um comentário