FOLHA DA CIDADE 22 ANOS INFORMANDO DE FORMA DIRETA...

VENHA ECONOMIZAR COM A GENTE

VENHA ECONOMIZAR COM A GENTE

domingo, 8 de maio de 2016

Vigilantes discutem, trocam tiros no meio da rua e os dois acabam mortos


SANTA CECÍLIA (PB): Dois vigilantes se desentenderam, trocaram tiros na rua e acabaram mortos, na manhã de sexta-feira (6), no município de Santa Cecília, no Agreste paraibano, a 228 km de João Pessoa, num crime que literalmente parou a pequena cidade que fica na divisa com Pernambuco. 
De acordo com o Batalhão da Polícia Militar em Boqueirão, responsável pelo policiamento na região, os vigilantes particulares estavam em uma das ruas no centro da cidade e entraram em discussão sem motivo determinado.
Wellington Monteiro dos Santos, de 39 anos (FOTO ACIMA), que e era casado e pai de duas filhas e também era locutor da Rádio Alternativa FM, onde apresentava o programa "Manhã Alternativa", de segunda a sexta-feira, das 8 h ao meio-dia. no município de Casinhas, no agreste pernambucano e João Marcos Timóteo Barbosa, de 29, morreram na hora. 
Wellington morava em Santa Cecília e Timóteo em Santa Cruz do Capibaribe. Segundo o dono da oficina de motos, Wellington estava no local quando Timóteo chegou e de imediato foi logo atirando, porém houve o revide. Havia um mês que ele tinha saído da empresa a qual o outro vigia trabalhava. Os dois morreram com quatro tiros, com os disparos em Timóteo atingindo o tórax e os em Wellington atingiram o rosto e o tórax. 
A primeira informação dos investigadores é que o crime foi motivado por uma rixa entre os envolvidos. “O que sabemos é que houve essa discussão entre os dois vigilantes e eles chegaram a trocar tiros. Durante os disparos os dois acabaram feridos e morreram no meio da rua”, informou a PM de Boqueirão que ainda não tinha informações sobre o que teria provocado a discussão entre os vigilantes. Os revólveres que eles usaram são de calibre 38 e uma das armas não possui numeração. Em consequência do alto índice de roubos e furtos na região, uma empresa de segurança oferece seus serviços para vários comerciantes da cidade. (FONTE: Blog Mais Casinhas / Milson Arruda Gonçalves / Portal Correio / Blog do Renato Diniz) 



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário